Latest Posts

Sorry, no posts matched your criteria.

Stay in Touch With Us

Odio dignissim qui blandit praesent luptatum zzril delenit augue duis dolore.

Email
[email protected]

Phone
+32 458 623 874

Addresse
302 2nd St
Brooklyn, NY 11215, USA
40.674386 – 73.984783

Follow us on social

Hit do verão? Saiba como ‘Jenifer’, de Gabriel Diniz, nasceu de uma piada e emplacou como favorita

Se você ainda não ouviu e cantou “Jenifer“, certamente vive em outro mundo. A música chegou de fininho, mas foi ousada e conquistou o coração (e ouvidos) de todo mundo, tanto que há boatos que essa seja a música que vai ser consagrada e ganhar o título de hit do verão.

“Jenifer” conta a história de um homem que, ao terminar com a namorada, resolve recorrer a um dos mais famosos aplicativos de “pegação” da atualidade e conhece a moça que dá nome a canção. Segundo Gabriel Diniz, o cantor que dá voz e vida ao ritmo ‘forronejo’ pop chiclete, “não é minha namorada, mas poderia ser / Ela faz umas paradas que eu não faço com você”.

+ IZA anuncia parceria com Caetano Veloso para releitura de “Divino Maravilhoso”, de Gal Costa

Na última quarta-feira (9), a música, que tem um tom bastante irreverente, desbancou a comportada “Atrasadinha” (de Felipe Araújo em parceria com Ferrugem) no topo do Spotify Brasil. Além disso, também é líder no Youtube, com 75 milhões de visualizações. Entretanto, a história por trás da moça encontrada no Tinder não foi premeditada para fazer sucesso. Com a participação de oito compositores, “Jenifer” seria gravada por Gusttavo Lima, que assinou o contrato para ser o intérprete da canção, mas acabou desistindo – ele chegou a cantar no mega festival São João de Campina Grande, em 1º de julho de 2018. No palco, ele disse que havia recebido a música de um amigo e que tinha “cheiro de hit”.

+ Ex é ex, passado é passado! Escute “Qualidade de Vida”, nova música de Simone e Simaria com Ludmilla

Gabriel Diniz, então, assumiu a responsabilidade e, diferente do que se imagina, não tinha o total apoio da equipe. Mesmo assim, não desistiu e acreditou no potencial tanto da música quando de si mesmo. “É uma música diferente. É a minha cara: alegre, ousada, irreverente. Eu sei que brasileiro gosta da fuleragem, da cachorrada”, brincou Diniz. “É a cara do Brasil: a resenha, a brincadeira, o bom humor. Eu sabia que ia ser estouro”.

A ideia da música surgiu a partir de Junior Lobo, que participou no momento de “dar à luz” a “Jenifer”. Um dia, estava entre amigos e, do nada, apareceu uma mulher que abraçou um deles. Segundo o compositor, não era exatamente o que esperava em termos de beleza, e então resolveu brincar: “e aí, é sua namoradinha?” e o amigo respondeu, “não, é do Tinder”.

+ Marília Mendonça aparece na lista dos 40 artistas mais vistos da história do Youtube

A partir daí, se tornou um desafio, além de uma obrigação, mencionar o aplicativo em alguma música, já que a ideia parecia muito boa. Os compositores, que sempre se reúnem em Goiânia para escrever e tentar vender músicas para os artistas (são cerca de 5 músicas por dia, 6 horas de trabalho, em média), entretanto, falar de paquera nas redes sociais não é uma ideia que todo mundo compra no meio sertanejo.

De início, se chamaria Cindy, no intuito de rimar com o nome do app, mas Jenifer encaixou melhor. De resto, os compositores criaram a história que você já conhece. Com a voz e personalidade de Gabriel Diniz, que é astro do forró e flerta constantemente com o meio sertanejo, “Jenifer” entrou para a lista de um dos sucessos do cantor que ganhou, indiscutivelmente, a simpatia do público, ao lado de “Acabou, Acabou” (com parceria de Wesley Safadão) e “Paraquedas”, (com Jorge e Mateus).

O clipe tem a participação da atriz Mariana Xavier, a eterna Marcelina de “Minha Mãe é uma Peça”, vivendo Jenifer, e a ex-BBB Aline Gotschalg – em números, já contabiliza mais de 75 milhões de visualizações no Youtube.

You don't have permission to register